Parece uma palavra estranha da qual você pouco ouviu falar, não parece? Quem trabalha com física, mecânica, softwares e programação normalmente já está bem familiarizado com Arduino. Falando assim, parece que vai ser difícil entender, mas a gente jura que não é. Você pode aprender tudo o que quiser, Arduino é só mais uma dessas coisas.

 

O que é Arduino?

 

o que é arduíno

 

Sabe todo o movimento de Do It Yourself (DIY)? O Arduino surgiu como open source em 2005 exatamente para que fosse mais fácil criar por conta própria os mais variados projetos por meio de programação.

 

Já brincou de Lego? Imagine uma daquelas peças maiores que serviam de base para conectar com as peças do jeito que você quisesse. O Arduino funciona assim, como uma placa onde sensores e componentes podem ser conectados e programados até gerarem o resultado que você procura.

 

Entendido isso, vamos para a linguagem mais técnica. O Arduino é uma placa composta por um microcontrolador Atmel, circuitos de entrada e saída, que pode ser facilmente conectada à um computador e programada via IDE (Integrated Development Environment, ou Ambiente de Desenvolvimento Integrado) utilizando uma linguagem baseada em C/C++, sem a necessidade de equipamentos extras além de um cabo USB.

 

Cada Arduino possui uma quantidade enorme de sensores e componentes que você pode utilizar nos projetos que quiser construir. Grande parte do material utilizado no Arduino está disponível em módulos, ou seja, pequenas placas que contém os sensores e outros componentes auxiliares como resistores, capacitores e leds.

 

Quer entender melhor como ele surgiu e como funciona? Sua importância para o desenvolvimento de projetos open source de hardware e software já levou até a um documentário que você pode ver aqui.

 

 

Para que posso usar um Arduino?

 

As oportunidades com um Arduino são inúmeras. Dá pra criar um brinquedo, melhorar um equipamento, automatizar a abertura de janelas de acordo com a intensidade da luz, medir a temperatura do ambiente, fechar portas automaticamente, criar robôs, entre muitas outras.

 

Você pode aplicar arduino para a área de impressão 3D, robótica, engenharia de transportes, internet das coisas, mecânica, inteligência artificial, música… Praticamente todos os setores podem ser influenciados por boas aplicações em arduino.

 

Já pensou em como seria incrível começar a criar protótipos físicos para os seus projetos por meio do arduino? Nós sabemos que fica um pouco confuso na leitura, mas alguns minutos na prática e você já vai aprender como colocar a mão na massa. No Makeday de Internet das Coisas do dia 13/06 você vai usar a placa de Arduino Intel Genuino 101 para os seus projetos. Clica aqui pra aprender mais uma habilidade!

 

O que é Arduino e o que posso fazer com isso?
5 (100%) - 1 voto
Você pode também gostar