5 minutos de leitura

Não sobrevive. Ou, pelo menos, não por muito tempo.

 

É muito fácil ver por aí empresas que nasceram antes da Internet ainda entenderem ela como uma possível ameaça ao seu negócio. O medo da mudança existe em todos os setores, mas precisa ser contornado para começarmos a agir em um mundo que, claramente, já está dominado pelo digital. E isso não é uma coisa ruim.

 

Para começar a entender a abrangência desse conceito, primeiro veja esse vídeo publicado pelo World Economic Forum.

 

 

Segundo dados divulgados pela Sysorex, empresa especializada em análise de dados, hoje, existem no mundo:

 

  • 7 bilhões de dispositivos móveis em uso
  • 11 bilhões de coisas conectadas à internet
  • 2,5 quintilhões de bytes criados por dia
  • 3,7 trilhões de dólares são gastos em transações de todos os tipos pela internet por dia
  • 90% do total dos dados armazenados no mundo foram criados nos últimos 2 anos

 

Dá pra perceber que não estamos apenas falando sobre empresas de tecnologia, não é? Também não adianta colocar toda essa responsabilidade no seu setor de TI, nem achar que depois de aplicar algumas iniciativas digitais, você já realizou sua transformação.

 

É preciso de uma forte liderança para mudar a cultura empresarial, criar uma rotina de prática e aprendizado, definir novas funções, aderir modelos de negócio digitais, mudar a relação com os clientes, alterar processos operacionais e, principalmente, criar uma mentalidade digital.

 

Parece arriscado, mas muito mais perigoso do que isso é adiar essa transformação.

 

O que é transformação digital?

 

transformação digital

 

A transformação digital é uma mudança estrutural nas empresas, onde é dado um papel essencial para as tecnologias, usando-as para melhorar o desempenho, aumentar o alcance, garantir melhores resultados e caminhar junto com o mercado.

 

Isso não significa apenas criar um site ou uma fanpage para a empresa. Começar o processo de transformação digital implica em modificar as estruturas base da organização, utilizando as tecnologias como alicerces para o trabalho prático e estratégico.

 

É um desafio de gestão mais do que de tecnologia, e ainda que demande tempo e recursos, os resultados da transformação digital à longo prazo são extremamente positivos. Com sistemas automatizados de registro de clientes, por exemplo, é muito mais simples, rápido e econômico realizar transações, continuar um contato após à compra e analisar comportamentos para aperfeiçoar os produtos.

 

Vantagens e fases da transformação digital

 

Aderir o processo de transformação digital significa que você estará melhorando a experiência do seu cliente, criando e aplicando novas formas de comercializar produtos ou prestar serviços, otimizando sua cadeia de processos e agilizando tomadas de decisões estratégicas a favor do mercado.

 

Para que tudo isso aconteça, especialista dividiram o processo de transformação digital em três etapas:

 

Digitização

 

Essa primeira etapa é a de transição das informações analógicas para uma forma digital. Ou seja, é preciso transformar todos os dados necessários em bits e armazená-los em dispositivos eletrônicos. Guardar e proteger informações que antes eram facilmente perdidas e danificadas em papel ou outra forma analógica é fundamental.

 

Digitalização

 

Aqui já partimos para o processo de realizar mudanças profundas nas organizações por meio da tecnologia, envolvendo uma visão holística a conceitos como big data, internet das coisas e blockchain por meio das informações digitais armazenadas anteriormente e das que serão coletadas a partir de então.

 

Transformação

 

A transformação verdadeira só acontece quando mudamos drasticamente estruturas socioeconômicas, padrões organizacionais e culturais, gerando novas oportunidades para a inovação.

 

transformação digital

 

Na prática, o que muda com a transformação digital?

 

De acordo com o livro “Transformação Digital: repensando o seu negócio para a Era Digital”, de David L. Rogers, existem 5 domínios estratégicos que mudam constantemente com a transformação digital: os clientes, competição, dados, inovação e valor.

 

Com a mudança na forma com que os clientes descobrem, avaliam, compram e usam os produtos, é preciso repensar o caminho até a compra, criando forte presença do digital nesse processo. Ter um site atrativo, página nas redes sociais, conteúdos nos mecanismos de busca, chat online, segmentação de públicos em anúncios e monitorar tudo isso são algumas dessas mudanças. Lembrando que, em cada plataforma, é preciso gerar uma boa experiência do usuário, acessível, simples, intuitiva e que resolva o problema do cliente.

 

Dentro da competição, parcerias e cadeiras de fornecimento se alteram muito com a fluidez fornecida pelo digital. A disputa de influências entre as empresas fica mais forte e é importante provar seu diferencial a partir do digital.

 

Como provar isso? O digital possibilitou acessarmos uma enxurrada de dados que são a base para a transformação, mas o que fazer com eles? Descobrir padrões inesperados, prever e planejar de forma estratégica é fundamental dentro desse processo. Com a análise dos dados, entender o que pode gerar uma mudança positiva e colocar em prática é a base para continuar inovando. Nunca foi tão fácil e rápido testar novas ideias.

 

Mas qual o valor que seu negócio entrega ao cliente depois de passar por tudo isso? No digital, sua proposta de valor pode e deve mudar constantemente, sempre acompanhando o movimento do mercado, do público e das inovações.

 

Vamos partir para a transformação?

 

Sabe qual a parte mais deliciosa da transformação digital? A possibilidade de gerar um crescimento mais igualitário, empoderando pessoas de todos os cantos, classes, raças, gêneros e funções para agirem no mundo.

 

Esse é um dos objetivos que nos impulsionam todos os dias na Mastertech. Somos mais que uma escola, somos transformação. Vem conhecer mais sobre programação, design, marketing digital, negócios e outros assuntos para mergulhar no digital com a gente!

 

 

Como uma empresa sobrevive hoje sem transformação digital?
Avalie esse post
Você pode também gostar