A expectativa é que nos próximos quatro anos o Brasil vá precisar de 750 mil profissionais de tecnologia. São Paulo lidera entre as cidades que mais empregam profissionais de tecnologia,com 32% das vagas anunciadas na web, mas o Rio de Janeiro vem em segundo lugar, apresentando 9,95% das oportunidades.

 

Vale a pena voltar os olhares para o setor da tecnologia na hora de escolher uma nova profissão, aprender algo diferente e ter uma carta na manga sempre que for necessário. Mas antes de mergulhar no mundo da tecnologia no Rio de Janeiro, vem ver como está o mercado na região.

 

Como está o mercado de tecnologia no Rio de Janeiro?

 

Apesar da crise no país, a área de tecnologia e desenvolvimento continua sendo uma oportunidade incrível para inserir profissionais no mercado de trabalho. E as vantagens de se trabalhar com tecnologia no Rio de Janeiro não são poucas. 63% do mercado de TI brasileiro está no sudeste, o Rio é responsável por aproximadamente 18% da renda gerada nesse mercado e é o segundo estado com maior número de profissionais no setor, contabilizando (cerca de 10% do país).

 

O Rio de Janeiro conta com 3.103 estabelecimentos voltados para o setor, número que cresce a uma média de 6,4% a cada ano. Muitas oportunidades de emprego nessa área estão concentradas em Campos, no Norte Fluminense, que apresentou, entre 2007 e 2013, a maior quantidade de empresas de TI criadas no estado (22,2%), seguido por Macaé e Petrópolis, ambos com 10%. A capital vem em sequência, com 6,3%. Os dados fazem parte de um estudo realizado pelo Sindicato das Empresas de Informática do Estado do Rio de Janeiro (TI Rio).

 

Além de ser a cidade maravilhosa, o Rio abriga muitos dos grandes eventos de tecnologia do país. No ano passado, a revista Wired, especializada em tecnologia, trouxe para o Rio de Janeiro o Wired Festival, que reuniu um grupo de visionários, disruptivos e criativos para falar sobre tecnologia. Em dezembro deste ano o festival volta a acontecer na cidade.

 

O Rio Info é outro desses eventos. Ao longo dos últimos 13 anos de sua realização, ele se caracterizou por ser um evento que oferece oportunidades no setor. A edição passada reuniu cerca de duas mil pessoas, 112 empresas brasileiras e estrangeiras, e o balanço final registrou a expectativa de geração de negócios em R$ 16,5 milhões. O evento abordou temas como a competitividade da TI brasileira, a TI e a revolução na Saúde, TI nos Esportes, o uso de Big Data para Segurança empresarial, entre outros.

 

A economia do Rio dá sinais de recuperação por conta da indústria de petróleo, que movimenta toda a cadeia produtiva da cidade e do estado. A capital ser sede dos Jogos Militares, da Copa e das Olimpíadas também aqueceu o mercado. Isso tudo mexeu no equilíbrio de forças dentro da tecnologia. Empresas cresceram, passaram a inovar mais e precisam de mão de obra especializada para ver mais frutos dessas conquistas. Que tal ser você a oferecer este trabalho?  

 

Como vou trabalhar com tecnologia se não sei nada sobre isso?

 

Se as linguagens e códigos de programação parecem indecifráveis para você e está fora de cogitação começar a aprender sobre programação e tecnologia, talvez você mude de ideia com o que temos para te mostrar em um fim de semana.

 

Desde o ano passado, começamos aqui no MasterTech o evento “Aprenda a programar em um final de semana”, um bootcamp imersivo de dois dias para ensinar as bases de programação de forma compreensiva, humana e possível para qualquer pessoa.

 

O evento acontece assim: são dois dias cheios, das 9 da manhã até à noite. No primeiro dia você aprende a fazer seu próprio site, e no segundo você sai com o app deste site na mão.

 

 

Ficou com vontade de participar? Então clica aqui para saber mais e fazer sua inscrição na próxima turma do Rio de Janeiro nos dias 20 e 21 de maio!

 

como aprender a programar

Como trabalhar com tecnologia no Rio de Janeiro?
1 (20%) - 1 voto
Você pode também gostar