Nunca, em nenhum outro tempo, a educação foi tão barata e acessível para as massas. O próprio meio se moveu das configurações das salas de aula para blogs, screencasts com aulas completas de graduação, vídeos e fóruns interativos. Com todos esses recursos, não existe nenhuma desculpa para não mergulhar neste mundo e aprender o que quiser.

 

Mas da mesma forma que a falta de recursos nos paralisa, o excesso deles também. Filtrar entre todas as opções pode ser um processo difícil, por isso separamos aqui 10 caminhos para começar a aprender uma nova tecnologia. Vamos dar os primeiros passos juntos?

 

1. Superando a inércia

 

Aprender alguma coisa nova sempre começa pela superação da inércia para fazer o primeiro movimento. Ela é parecida com a preguiça de buscar o controle ao lado da TV quando se está no sofá. Entretanto, existem diversas formas de superar esta inércia e permanecer motivado. Uma das mais eficientes é o conceito de pequenos hábitos. Ao invés de focar em concluir a tarefa como um todo, divida em pequenas ações que poderão se transformar hábitos e te colocar em movimento. Tudo começa com pequenos passos.

 

2. Acompanhe quem sabe do assunto

 

Você já sabe o que quer aprender? Primeiro determine isso. Pode ser uma nova linguagem de programação, o framework de uma aplicação, uma ferramenta ou um software. Depois de decidir isso, busque alguém que te inspira e que entende sobre o assunto. Acompanhar profissionais na realização de seus trabalhos nos motiva a tentar coisas novas e a ter mais confiança de que você também consegue fazer.

 

3. Deixe o fluxo de informação começar

 

Depois de estar convencido daquilo que você quer aprender, comece a absorver o conhecimento. Procure por tutoriais para iniciantes no google, veja artigos sobre o assunto e busque por cursos online acessíveis para você.

 

4. Ouça e veja com atenção plena

 

Quanto mais à fundo você for no aprendizado, mais informações você vai querer absorver. Continue faminto, assista e veja tudo com atenção plena para permanecer ativo. Participe de cursos presenciais e veja a energia que existe em estar junto com diversas outras pessoas que também querem aprender (e todas aquelas abertas para ensinar). O networking gerado em ambientes como esse já é aprendizado o suficiente.

 

aprender a programar

 

5. Hora da ação

 

A melhor maneira de aprender é fazendo. Isso não é só uma frase de efeito, é a realidade. Somente um passo é um passo, e é preciso botar o pé no chão para dá-lo. Coloque todo o seu conhecimento em teste. Escolha um projeto pessoal que você pode construir usando a tecnologia que aprendeu. Desenhe algumas features e implemente-as. Você com certeza irá encontrar alguns desafios. É só com eles que você estará na jornada para o aprendizado naquela tecnologia. As pessoas experientes são aquelas que cometeram mais erros e forçaram os limites até ultrapassá-los. Seus poderes Jedi estão aí, você vai ver quando precisar usá-los.

 

aprender uma nova tecnologia

 

6. Blogging

 

Enquanto você está na sua jornada, relatar alguns dos passos e erros cometidos pelo caminho pode ser de grande ajuda. Os blogs são as formas mais populares de expressão dentro da tecnologia, faz parte do DNA. Quando você coloca suas ideias em uma página em branco, você força seus pensamentos a se organizarem, a terem determinada estrutura. E nesse processo você pode até ajudar alguém que começou como você.

 

7. Sinta o pulso

 

A tecnologia cresce quando as pessoas fazem coisas malucas e inimagináveis. A rede de pessoas que gira em torno da tecnologia é imensa, e existem projetos e situações surpreendentes sendo reveladas em diversos lugares da web. Tem empresa criando balão para levar a internet para lugares que não têm acesso, transformando objetos comuns em soluções tecnológicas e muito mais. Uma olhada no Quora e isso já fica bastante claro. Coloque-se no meio disso, sinta o pulso e comece a enlouquecer junto. Seja parte desse movimento, abra a mente para criar soluções novas e transformar o mundo.

 

aprender uma nova tecnologia

Alguns dos projetos malucos e extraordinários que foram desenvolvidos por alunos do Mastertech: teve caixa de remédios inteligente, projeto Tato fazendo interface com arte para deficientes visuais, aplicativo com o Índice Fada do Carro, uma pira eletrônica semelhante à da abertura das olímpiadas, entre muitos outros.

 

8. Encontros e conferências

 

Ainda que o mundo online já entregue experiências incríveis, sair dele e criar conexões reais é necessário. Encontre grupos próximos de você com os mesmos interesses, participe de conferências, conheça novos projetos e as pessoas por trás deles. Além de receber novas ideias, você pode ter bastante coisa à compartilhar.

 

9. Conheça o GitHub

 

O GitHub é um marco para o mundo dos projetos de código aberto. É um tesouro de aprendizados e criatividade expressa em códigos. Quando você se sentir confortável com determinada tecnologia, seu próximo passo é explorar o GitHub para encontrar projetos interessantes. Leia o código fonte, o máximo que puder, e você irá aprender uma variedade de coisas, como:

 

  • Como organizar grandes projetos;
  • Padrões de códigos e design;
  • Estilo de documentação;
  • Testes de padrões;
  • Soluções para problemas estranhos;
  • Bibliotecas interessantes.

 

Tudo pronto para ser devorado por sua curiosidade.

 

10. Aprendizado imersivo

 

Se você acha que as práticas acima são muito lentas, você também pode tentar uma abordagem mais rápida. Programas de aprendizado em 24h, um fim de semana ou algumas semanas são formas bastante eficientes (e na maioria das vezes econômicas) de receber todo o aprendizado necessário para a prática básica de uma atividade específica em tecnologia.

 

Você conhece os bootcamps? Essas alternativas de aprendizado imersivo, didático, divertido e cheio de uma energia de compartilhamento estão ao seu lado. Veja mais sobre os bootcamps aqui e participe dos próximos eventos do Mastertech!

 

benefícios de fazer um bootcamp

10 dicas para aprender uma nova tecnologia
5 (100%) - 2 votos
Você pode também gostar