O CTO ou Chief Technology Officer é o responsável por toda a tecnologia e desenvolvimento das plataformas necessárias para o andamento da startup. Logo de primeira já dá para entender a importância de ter um bom profissional nesta função, certo?

 

Mas porque não chamar qualquer programador para isso?

 

É preciso entender exatamente porque buscar um CTO. Se seu objetivo é ter uma pessoa ao seu lado que complementa suas habilidades, que tope encarar os desafios da startup de frente, que tenha uma visão de tecnologia unida ao pensamento estratégico de negócio, você precisa de um CTO.

 

Encontrar só um bom programador não é suficiente. É preciso criar um relacionamento sólido e de confiança com alguém que esteja junto com você para o bem e para o mal, pensando em conjunto cada aspecto do negócio ligado às tecnologias. Aqui abaixo listamos algumas formas de você encontrar esse profissional com mais facilidade.

 

Compareça a meetups, eventos do seu setor e de tecnologia

 

A quantos eventos você tem ido desde que começou a planejar sua startup e o que tem feito neles? Os melhores parceiros de negócio podem estar em eventos de tecnologia como a Big Data Week, Fórum E-commerce Brasil, QCon SP e Rio e conferências de linguagens específicas como a PHP Conference e a Python Brasil.

 

Procure profissionais por plataformas de conexão de empreendedores

 

Já existem diversas redes de conexão de empreendedores pelo mundo, que vão além dos contatos pelo LinkedIn (mas dar uma olhada lá também pode ser bem proveitoso!). A CoFoundersLab é um exemplo disso.

 

Defina as principais linguagens de programação que ele precisará trabalhar

 

Saber o básico de programação será essencial para orientar sua busca por um CTO em direção das linguagens que ele precisará trabalhar no negócio. Dependendo das linguagens que você precisa para desenvolver seu produto, será mais fácil ou difícil encontrá-lo.

 

Saiba que o mais importante será o relacionamento em tempos turbulentos

 

Você não encontrou alguém que entenda da linguagem que você precisa, mas encontrou alguém que tem paixão em aprender e com quem você criou uma forte relação ao lidar com conflitos? Vai nessa! A parte técnica todo mundo aprende. O problema é encontrar alguém que saiba lidar com os conflitos que irão surgir desde a primeira conversa.

 

Se nada disso der certo, você também pode se tornar seu próprio CTO ao imergir no mundo da tecnologia e da programação. Esse caminho pode ser mais trabalhoso, mas podemos garantir que trará muitos benefícios na sua rotina de trabalho com a startup.

 

Quer começar pelo básico? Tem workshop de Programação para não programadores chegando no fim deste mês! Vem dar uma olhada e garantir sua vaga aqui.

Como encontrar um bom CTO para sua startup
5 (100%) - 1 voto
Você pode também gostar