3 minutos de leitura

Você já conhece o user centered design e a importância de colocar o usuário no centro de suas aplicações? O processo para construir um design centrado no usuário possui fases que podem ser dividas em análise, design, aplicação e desenvolvimento, mas ainda assim não podemos considerar que essas fases acontecem uma após a outra.

 

O user centered design é uma prática contínua de desenvolvimento, caminhando por todas as fases sempre que necessário. Isso funciona particularmente bem quando práticas de desenvolvimento ágil são incorporadas juntas.

 

Precisamos falar sobre desenvolvimento ágil

 

user centered design

Processos do método SCRUM de desenvolvimento ágil.

 

O desenvolvimento ágil compreende um grupo de abordagens relacionadas ao desenvolvimento de software que tentam superar muitos dos problemas enfrentados pelos processos tradicionais de desenvolvimento de software. Os princípios fundamentais do desenvolvimento ágil são definidos no manifesto ágil, e a abordagem é resumida da seguinte forma:

 

  • Indivíduos e interações acima de processos e ferramentas;
  • Desenvolvimento de software a partir de uma documentação compreensiva;
  • Colaboração ao cliente acima da negociação de contratos;
  • Resposta a mudanças acima de seguir um plano fixo.

 

Em resumo, o desenvolvimento ágil baseia-se na noção de que os processos de desenvolvimento de software podem ser imprevisíveis e, quanto maiores forem, mais flexibilidade é necessária.

 

O agile nos oferece algumas informações importantes sobre como gerenciar esse processo em uma base dinâmica, ao invés de tentar eliminar toda a incerteza com um enorme e detalhado plano inicial.

 

Como resultado, o desenvolvimento ágil pode reduzir os custos e o tempo de entrega, colocando a ênfase na entrega de qualidade, trabalhando com os clientes em uma base de boa fé, em vez de estabelecer requisitos excessivamente rigorosos no início.

 

Ok, mas o que isso tem a ver com user centered design?

 

user centered design

 

Este ajuste realizado pelo desenvolvimento ágil é muito bom para o design centrado no usuário, porque deixa aberta a possibilidade de incorporar o feedback dos usuários quando o projeto ainda está em andamento.

 

Um dos 12 princípios do desenvolvimento ágil é o seguinte: receba os requisitos de mudança, mesmo no final do desenvolvimento. Os processos ágeis aproveitam a mudança para sair em vantagem competitiva. Os testes realizados com o usuário são exemplos perfeitos desse tipo de mudança tardia.

 

Imagine que você está configurando um novo e importante e-commerce. Sua empresa precisa aumentar as vendas, mas não pode ampliar o orçamento de marketing. O teste do usuário revela que o novo sistema melhora ligeiramente o seu antigo, trazendo alguns aperfeiçoamentos.

 

Talvez aumentando a confiança do usuário em seu sistema ou melhorando o sistema para recomendar produtos relacionados, você poderia ganhar mais alguns pontos percentuais em suas vendas. Nesse momento, você precisa de um processo de desenvolvimento de software que possa reagir e incorporar esses novos insights sobre o desenvolvimento do site.

 

Combinando o user centered design com o desenvolvimento ágil

 

É combinando o desenvolvimento ágil com o design centrado no usuário que os projetos são melhor entregues. Como desenvolvedores, conseguimos perceber como a mentalidade ágil é muito melhor com os problemas que devemos resolver e com a necessidade de reagir a uma variedade de insumos, tanto dos clientes como dos usuários do sistema.

 

Ser sensível aos requisitos do usuário exige uma mudança na mentalidade de um desenvolvedor de software tradicional: não é mais seguro assumir que o desenvolvedor sempre sabe mais sobre como algo deve funcionar, é preciso ser mais flexível para lidar com os requisitos dos usuários.

 

E isso vale para tudo, pois reduz a pressão associada à entrega de um software e ainda fornece mais qualidade no produto final. Se os usuários e os clientes estiverem envolvidos no desenvolvimento, você sabe que eles serão felizes com o resultado final.

 

Quer entender mais sobre design centrado no usuário e como aliar essa prática ao desenvolvimento ágil? Tem imersivo de UX chegando no dia 20 de fevereiro, vem garantir sua vaga!

 

Gostou demais do assunto e quer assistir uma aula online e gratuita agora para se aprofundar mais? É só acessar aqui nossa live para entender mais de UX!

 

User centered design e desenvolvimento ágil: o que eles tem a ver?
Avalie esse post
Você pode também gostar