Aperte "enter" para ver os resultados ou "esc" para cancelar.

Está na hora de mudar de carreira?

Acordar todo dia é como carregar um peso gigantesco nos ombros, o fim de semana demora milênios para chegar, as tarefas diárias são exaustivas e nada satisfatórias, você está mal humorado, não consegue dar o melhor de si e não vê um futuro claro pela frente. Chega um momento em nossas vidas profissionais que precisamos parar alguns minutinhos para pensar: é isso mesmo que eu quero estar fazendo 8h por dia, 5 dias por semana?

 

Mudar de carreira é amedrontador. Temos muito, mas muito medo de abandonar as coisas que nos trazem segurança, aquelas que estamos construindo há anos e que parecem nos definir. Mas quando chega nesse ponto de insatisfação, o medo precisa escorregar pro lado e dar espaço para sua qualidade de vida, seus desejos e a coragem de conhecer algo novo. Continua com a gente para conhecer alguns pontos no processo de mudança de carreira.

 

O que está me deixando insatisfeito?

 

Essa é a primeira pergunta que você precisa fazer quando a vontade de abandonar tudo surgir. Com a mente calma, descubra de onde nasceu sua insatisfação: foi o seu ambiente de trabalho? A equipe com que realiza tarefas? Os projetos que tem sido responsável? A falta de suporte da empresa?

 

Se a maioria de suas insatisfações não estiverem relacionadas diretamente a empresa em que trabalha, tem grandes chances de que esta seja sua hora de mudar de carreira.  

 

Não abandone seu trabalho sem conversa

 

Sim, eu sei que a vontade que dá é deixar tudo pra traz e ir descobrir para que você é feito, mas calma. Converse com seu gestor para conseguir feedbacks de seu trabalho na empresa atual. Pergunte quais foram os pontos positivos e negativos de seu trabalho e explique sua situação. Existe uma chance de que você possa mudar de carreira na própria empresa em que trabalha ou ter um contato maior com outras áreas antes de tomar sua decisão.

 

Sair para empreender

 

Um dos grandes propulsores da mudança de carreira é a vontade de abrir seu próprio negócio. Se o objetivo for mudar de carreira para empreender, lembre-se de ter um bom planejamento antes de tomar qualquer ação. Não dá para jogar tudo pro alto sem uma reserva financeira e uma cabeça preparada para uma longa jornada de conhecimento e trabalho árduo.

Vai explorar o mundo

 

Ingressar em uma nova profissão é realmente o que está buscando? Então saia explorar! Tenha contato com novas profissões e novas formas de trabalhar em cursos, feiras, palestras, eventos. Tem muito mais possibilidade por aí do que nos permitimos imaginar. O importante é não parar só na teoria. Corra atrás da prática de novos conhecimentos e veja o que cabe melhor para você.

 

Não deixe de ouvir de quem sabe

 

Você pode ter 45 anos e achar que já conhece de tudo nesse universo profissional, mas quando se trata de uma nova carreira, não deixe de ouvir de quem já está lá faz algum tempo. Procure quem trabalha no setor que escolheu (eventos são uma ótima forma de fazer isso) e pergunte sobre os maiores desafios da profissão. Fique por dentro das necessidades do mercado e de como essas pessoas fizeram para chegar lá.

 

Mostre quem você é e o que pode oferecer

 

Depois que estiver preparado para um novo emprego em um novo setor, refaça seu currículo incorporando habilidades que possam te ajudar na nova carreira. Lembre-se que nem só habilidades técnicas podem te ajudar. Suas experiências anteriores em outra carreira são enriquecedoras para apresentar novos pontos de vista. Use sua rede de contatos para distribuir seus currículos e não deixe de lado oportunidades de tentar.

 

Quer entrar em uma nova carreira adquirindo habilidades que vão te ajudar muito nesse novo século? No Mastertech você encontra cursos de programação, ux design, gestão de projetos, tecnologias emergentes e muitos outros workshops online gratuitos para entrar em contato com aprendizados novos. O melhor de tudo isso? Os cursos acontecem em um ambiente agradável, a partir de uma metodologia eficiente e com muita gente capaz de te receber de braços abertos. Vamos nessa?

 

tecnologia para novas gerações